Sugestão de filme.

0 comentários
Há quanto tempo não passo por aqui! Estou com muitas saudades de blogar, no entanto os compromissos me impedem de passar com tanta frequência.

Hoje, assisti a um filme lindo (Na frente da classe) que me deixou muito emocionada! O filme é estrelado pelo ator James Joseph Wolk que dá vida ao professor Brad Cohen, personagem com a Síndrome de Tourette e eu vivo um pouco do que o filme retrata. Obviamente o problema que eu tenho não é tão difícil como o do Sr. Cohen, mas também incomoda as outras pessoas, em especial os adultos. Para o Sr. Cohen a Síndrome de Tourette foi uma professora, pra mim, talvez não tenha acontecido dessa forma: Ser professora, poder fechar a porta da minha sala e ser eu mesma com crianças que aprenderam me amar pelo que eu sou, foi o melhor ensinamento para aprender viver, saber que primeiramente a deficiência choca, mas depois é irrelevante, pois o amor fala mais alto.

 "Antes de me conhecerem as crianças às vezes acham que eu sou estranho e até assustador, mas depois que eu ensino tudo sobre minha doença e elas veem que o senhor Cohen é uma pessoa de verdade, que por acaso faz barulhos engraçados, aí elas me aceitam como um bom professor, assim como vocês!" Sr. Cohen

Bolhas: Palavras com lh e muitas bolhas!

4 comentários


Olha a bolha d'água
no galho!
Olha o orvalho!
Olha a bolha de vinho
na rolha!
Olha a bolha!
Olha a bolha na mão
que trabalha!
Olha a bolha de sabão
na ponta da palha:
brilha, espelha
e se espalha
Olha a bolha!
Olha a bolha
que molha
a mão do menino:
A bolha da chuva da calha !

Cecília Meireles 










O Mágico de Oz: Incentivando a leitura

3 comentários



E depois de ler "O Mágico de Oz" para os alunos, vamos aos trabalhinhos:


Este ano peguei uma sala difícil, o primeiro livrinho que li pra eles, foi uma decepção, nenhum aluno me olhava, todos distraídos com outras coisas, com carinhas de tédio, e , assim foi por vários dias até que consegui conquistá-los para a leitura. Li todos os dias, mostrava muita empolgação e até cometia exageros para chamar atenção, e nada. Hoje, são outros alunos, consegui cativá-los para essa que considero a melhor parte da minha aula, para mim e para eles também agora. Já li vários livrinhos, consegui ler o livro " O Magico de Oz"  e me surpreendi com o interesse deles em ouvir cada capítulo. Agora, estou lendo "James e o Pêssego Gigante" de Roald Dahl, um livro com 207 páginas de aventuras e me surpreendi, quando um dos alunos, antes muito desinteressado, me falou que havia pesquisado na internet sobre o livro e que já sabia o final da história. Foi um momento muito importante, saber que aquele aluno que não queria saber de leitura, sentiu curiosidade de pesquisar em casa sobre a leitura que estamos fazendo em sala. Uma vitória!

















Limeriques dos meus alunos

4 comentários

Limeriques são poemas curtos, geralmente relatando situações engraçadas e até sem “ pé nem cabeça”. Têm sempre cinco versos, onde a primeira, a segunda e a quinta linhas terminam com a mesma rima. O terceiro e o quarto verso rimam entre si, seguindo o esquema AABBA (A=1ª, 2ª,5ª e B= 3ª, 4ª).

Não se sabe ao certo como eles surgiram, alguns dizem que foi na Irlanda, na cidade de Limerich, mas começaram a fazer sucesso quando um inglês chamado Edward Lear, passou a escrever limeriques.

Escrever limeriques é uma gostosa brincadeira, você só precisa imaginar uma situação, selecionar as rimas e contar a 'historinha', seguindo o esquema acima. As crianças adoram, até porque com não exige coerência eles dão asas a imaginação.  
Esse foram escritos pelos alunos espontaneamente depois que li um livro de Limeriques  na sala, foram me entregando, depois escolhi alguns, digitei e dei para outros alunos fazer a ilustração.
Obs: Descobri os Limeriques através do João, que trouxe a novidade da escola.










Stop Motion - Homenagem ao Patrono da escola

2 comentários


Projeto Stop Motion em homenagem ao Patrono da escola Erso Gomes.



          Tínhamos que fazer uma homenagem à escola e resolvi contar sua história através da técnica de animação Stop Motion, o que era novidade para a maioria dos meus alunos, mas fugia daquelas tradicionais atividades escolares e indiretamente os levaram a produção escrita através de registros, roteiros e descrição. O trabalho foi árduo, pois tenho muitos alunos na sala e algumas etapas exigiam muita concentração e paciência e alguns alunos ainda não tinham maturidade para tanto, queriam mesmo brincar com as massinhas. Então, fizemos uma abertura e um encerramento com os trabalhos desses alunos menores, e os outros que já tinham um pouco mais de jeito com as massinhas fizeram a parte da história do Sr. Erso Gomes.
Assistam o vídeo:








Quer mais informações sobre esta técnica conheçam o blog do Cacinho em : Animações- Animado Desenho


Temas: Escola e histórico da escola, patrono da escola, desmatamento e reflorestamento, Bandeiras, leitura, tecnologia.

Este trabalho visa resgatar o histórico da escola e em especial pelo Patrono da Escola, um homem cuja história de vida se engrena com a história do bairro onde a escola se situa. Porém demonstra a preocupação com a necessidade de buscar novos caminhos para motivar os alunos quanto as suas produções escolares no que se refere à leitura e a escrita. Esses caminhos apontam para algo mais moderno e prazeroso e que desperte de fato o interesse deles. Neste sentido, a narrativa poética da história de vida do senhor Erso Gomes por meio do Stop Motion contribuiu para uma alfabetização com ênfase no letramento de crianças, buscando a socialização deles com a narrativa, com os colegas e com a escrita indiretamente, uma vez que para chegar ao produto final, será necessário a produção escrita de um roteiro, descrição de imagem e exigem um cuidadoso planejamento de cada etapa.

1.       OBJETIVO GERAL:
 Contribuir no processo de alfabetização dos alunos dos 2º anos B e D  com ênfase no letramento.

2.      OBJETIVOS ESPECIFICOS:
− Proporcionar momentos de interação que possibilitem o desenvolvimento de atitudes de solidariedade e cooperação entre os alunos.
− Construir roteiros;
- Descrever imagens, personagens e cenários;
− Refletir sobre a escrita dos roteiros;
− Confeccionar cenários;
− Gravar áudio com declamação de narrativa poética;
− Fotografar os cenários.
3.      PROCEDIMENTOS:
- Conversar com os alunos sobre a técnica de Stop Motion, mostrar vídeos animados prontos na internet e outros ensinando como se produz uma animação.
- Mostrar trechos de Filmes Infantis famosos que fizeram uso dessa técnica: Fuga das Galinhas
,(2000), Coraline e o Mundo Secreto (2009), Batalha dos Vegetais (2006) a fim de despertar o interesse pela técnica em questão: Stop Motion.
- Fazer a leitura diária da Biografia e da Narrativa poética da vida de Erso Gomes com os alunos e solicitar que eles façam a leitura na frente dos colegas em sala, em frente o espelho e silenciosa.
- Gravar áudio dos alunos.
- Traçar o roteiro de como a história será representada.
- Fazer coletivamente a descrição das cenas, cenários e componentes das cenas.
- Montar em massinhas, caixinhas e outros materiais cada uma das cenas.
-Fotografar a interação do grupo e as cenas.
- Orientar para que alguns alunos façam as fotos enquanto outros cuidam do cenário e façam a iluminação (luminária).
- Trazer a edição final para fazer em sala, para que os alunos compreendam o processo.
- Pedir que os alunos produzam um texto (escrito e ilustrado) sobre como o trabalho foi feito.
- Gravar CDs para entregar as famílias com a participação dos alunos.
- Postar vídeo no Youtube para que o aluno valorize sua produção.
4.      MATERIAIS:
- Massinhas;
-Materiais recicláveis: Papelão, caixinhas, tampinhas, brinquedos, etc.
-Papel Kraft;
-Cartolina;
- Caneta Hidrocor;
-Tinta Guache;
- DVDs;
-Câmera fotográfica;
-Luminária;
- Caixas;

-Notebook;

Pedofilia - Como orientar as crianças

3 comentários
Um assunto difícil de abordar na escola, mas que precisa ser esclarecidos principalmente quando há alguma criança com um comportamento suspeito, que muda a forma de agir com os colegas e com o professor. Os sinais nem sempre são claros, daí a prevenção também é fundamental. 

Autor: Hugo Monteiro Ferreira
Editora: Escrita Fina

Esse livro é como um grito de socorro das crianças que passam por isso, no caso de Antônio o problema está dentro de casa e como a maioria das vítimas ele se sentia culpado pelo que acontecia. Me emocionei muito quando li esse livro, e não li imediatamente aos meus alunos por causa da emoção que o autor transmite, quando fiz a leitura foi bem tranquilo, pois apesar do assunto ser tenso o autor coloca de uma forma poética, que emociona, o leitor sente a coragem de Antônio e se encoraja também . O livro é um alerta excelente para as crianças que passam por isso ter coragem de dar o seu grito de liberdade também.

Encontrei esse vídeo no facebook e gostei muito também da forma clara como se esclarecem como o abuso pode acontecer e orienta o que pode ser tratado como abuso: "Qualquer toque que faça seu radar querer chorar" Radar= coração. 





Cada estrela na terra, toda criança é especial.

4 comentários
Ser professora é um grande desafio! É preciso conhecer cada aluno, conhecer seu olhar, seu sorriso, suas necessidades. Tem criança que precisa de um abraço, outras de um olhar mais atencioso, algumas necessitam de muita observação para se perceber que elas sabem muito, que são brilhantes. No meio de tantas burocracias, pois o serviço do professor não se encerra dentro de quatro paredes, são fichas e mais fichas para se preencher, formações, reuniões e leituras e leituras infinitas, você não pode abrir mão de conhecer o seu aluno.
Costumo dizer que "durmo" com meus alunos, pois penso neles o tempo todo e em especial os que tem mais dificuldades em determinadas áreas. Passo dias pensando em como alcançar essas cabecinhas, como despertar interesse, como motivá-los. São joguinhos, leituras, musiquinhas, massinhas, pinturas, brincadeiras e uma série de atrativos objetivando descobrir o que meu aluno sabe e até onde posso fazê-lo chegar.
Esse filme me emocionou muito, me motivou ainda mais a procurar o potencial dos meus alunos, mesmo quando parecer impossível. É excelente e recomendo não apenas aos colegas da área, mas a todos que gostam de aprender um pouco  e ou entender as diferenças. Lembrem-se cada criança, cada pessoa é única e tem ritmos diferentes.